TENDÊNCIAS DE VARIAÇÃO NA LINHA DE COSTA DE CIDREIRA (RS) E SUAS RELAÇÕES COM PARÂMETROS OCEANOGRÁFICOS E METEOROLÓGICOS

Alice Ioppi Casagrande, Deborah Aguiar, João Luiz Nicolodi, André Araujo Damião

Resumo


Visando contribuir ao desenvolvimento sustentável da zona costeira, este trabalho tem como objetivo obter a tendência de variação da linha de costa da praia de Cidreira para o período entre 2003 e 2014, comparando-a e discutindo com o panorama até então apontado na literatura para a região. Foram utilizadas imagens aéreas de diversas datas, as quais foram georreferenciadas, tendo calculadas suas taxas de variação de linha de costa a partir do Método do Polígono da Mudança. Foram analisados dados de ondas e ventos disponíveis em bancos de dados públicos na web. Buscou-se ainda avaliar a sazonalidade do perfil praial a partir de dados topográficos obtidos em campo. Os resultados obtidos assinalaram saldo positivo no balanço sedimentar para o período. Os dados de vento analisados apontam aumento na frequência dos ventos provindos do continente. Os dados de onda apontaram maior frequência da direção S seguidas da direção ENE, período entre 6s e 8s e altura entre 1,5m e 2,0m. Os perfis praiais apontaram acresção nos meses de primavera e verão, e erosão nos meses de outono e inverno. Conclui-se haver uma reversão de tendência da variação da linha de costa de Cidreira de um padrão erosivo apontado no final da década de 1990 e começo de 2000 para um padrão estável e/ou progradante entre os anos de 2003 e 2014, relacionado principalmente à variação nos padrões de ventos da região no período analisado, tendo como consequência principal acresção no pacote vertical de sedimentos.


Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Direitos autorais 2018 Alice Ioppi Casagrande, Deborah Aguiar, João Luiz Nicolodi, André Araujo Damião

Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição - NãoComercial 4.0 Internacional.

| Boletim Geográfico do Rio Grande do Sul | ISSN 2446-7251 |