PANORAMA E PERFIL DA IMIGRAÇÃO SENEGALESA NO RIO GRANDE DO SUL NO INÍCIO DO SÉCULO XXI

Roberto Rodolfo Georg Uebel

Resumo


Este artigo aborda o perfil da imigração senegalesa no Rio Grande do Sul a partir da segunda década do século XXI, apontando as rotas destes imigrantes do Senegal até o estado, sua distribuição espacial no território sul-rio-grandense, perfil demográfico-social e suas relações com o mercado de trabalho – distinto de acordo com as regiões em que se concentraram. Ademais, a pesquisa contou com visitas de campo, uso dos instrumentais da cartografia temática e foi amparada na literatura de Geografia Humana e Geografia da População. Concluiu-se que este fluxo imigratório específico desponta como um dos principais atores do novo perfil imigratório sul-rio-grandense e brasileiro, contribuindo para a nova configuração dos espaços sociais e urbanos que lhes acolheram. Trata-se, portanto, de um panorama novo da imigração no Brasil e, por conseguinte, no Rio Grande do Sul, inseridos agora, definitivamente, na agenda global das migrações internacionais.


Texto completo:

PDF

Referências


AGÊNCIA DE NOTÍCIAS DE NOVO HAMBURGO. Prefeitura cadastra e presta atendimento aos senegaleses. 2014. Disponível em: http://an.novohamburgo.rs.gov.br/modules/galeria/detalhe.php?foto=145272&evento=29998. Acesso em: 25 jan. 2016.

BAENINGER, Rosana. Fases e faces da migração em São Paulo. Campinas: Núcleo de Estudos de População - Nepo/Unicamp, 2012. 146 p.

BERNARDI, Fabrizio; GARRIDO, Luis; MIYAR, Maria. The recent fast upsurge of immigrants in Spain and their employment patterns and occupational attainment. InternationalMigration, Genebra, v. 49, n. 1, p.148-187, fev. 2011. Disponível em: http://onlinelibrary.wiley.com/doi/10.1111/j.1468-2435.2010.00610.x/abstract. Acesso em: 28 nov. 2014.

CASTRO, Henrique Carlos de Oliveira de; RANINCHESKI, Sonia; CAPISTRANO, Daniel. O conteúdo da globalização para os latino-americanos: uma análise a partir da Pesquisa Mundial de Valores – WVS. Temas Debates (en Línea), Rosario, n. 29, p.53-76, jun. 2015. Disponível em: http://ref.scielo.org/qtx6fk. Acesso em: 02 abr. 2016.

DRIESSEN, Henk. The “new immigration” and the transformation of the European-African frontier. In: WILSON, Thomas M.; DONNAN, Hastings (Ed.). Border identities: nation and state at international frontiers. Cambridge: Cambridge University Press, 1998. p. 96-116.

FARIA, Maria Rita Fontes. Migrações internacionais no plano multilateral: reflexões para a política externa brasileira. Brasília: FUNAG, 2015. 306 p. Disponível em: http://funag.gov.br/loja/download/1130-Migracoes_internacionais_no_plano_multilateral_23_10_2015.pdf. Acesso em: 22 nov. 2015.

GOLUB, Stephen S.; MBAYE, Ahmadou Aly. National Trade Policies and Smuggling in Africa: The Case of The Gambia and Senegal. World Development, Michigan, v. 37, n. 3, p.595-606, mar. 2009. Disponível em: http://www.sciencedirect.com/science/article/pii/S0305750X08002234. Acesso em: 28 nov. 2014.

HATTON, Timothy J.; WILLIAMSON, Jeffrey G. The age of mass migration: causes and economic impact. New York: Oxford University Press, 1998. 301 p.

HERÉDIA, Vania (Org.). Migrações internacionais: o caso dos senegaleses no Sul do Brasil. Caxias do Sul: Quatrilho Editorial, 2015. 292 p.

HOGGART, Keith; MENDOZA, Cristóbal. African Immigrant Workers in Spanish Agriculture. Sociologia Ruralis. Wageningen, p. 538-562. out. 1999. Disponível em: http://onlinelibrary.wiley.com/doi/10.1111/1467-9523.00123/abstract. Acesso em: 28 nov. 2014.

HUMAN RIGHTS EDUCATION ASSOCIATES. Refugiados: Quem são os refugiados?. 2001. Disponível em: http://www.hrea.org/index.php?doc_id=511. Acesso em: 23 nov. 2014.

JORNAL NH. Estrangeiros são presos em operação contra pirataria em Novo Hamburgo. 2014. Disponível em: http://www.jornalnh.com.br/_conteudo/2014/10/noticias/regiao/98281-estrangeiros-sao-presos-em-operacao-contra-pirataria-em-novo-hamburgo.html. Acessoem: 25jan.2016.

PIORE, Michael J. Birds of passage: migrant labor and industrial societies. Nova York: Cambridge University Press, 1979. 229 p.

PÓVOA NETO, Helion; FERREIRA, Ademir Pacelli (Org.). Cruzando fronteiras disciplinares: Um panorama dos estudos migratórios. Rio de Janeiro: Revan, 2005. 424 p.

RÉSEAU MIGREUROP. Atlas des migrants en Europe: Géographie critique des politiques migratoires. 2. ed. Paris: Armand Colin, 2012. 144 p.

RICCIO, Bruno. Senegalese street‐sellers, racism and the discourse on ‘irregular trade’ in Rimini. Modern Italy, Londres, v. 4, n. 2, p. 225-239, 1999. Disponível em: http://www.tandfonline.com.ezproxy.library.uvic.ca/doi/pdf/10.1080/13532949908454831. Acesso em: 29 nov. 2014.

ROCHA-TRINDADE, Maria Beatriz da. Sociologia das Migrações. Lisboa: Universidade Aberta, 1995. 410 p.

SAYAD, Abdelmalek. L'immigration ou Les paradoxes de l'altérité. Paris: Raisons D'agir, 2006. 3 v.

TEDESCO, João Carlos; MELLO, Pedro Alcides Trindade de. Senegaleses no Centro-Norte do Rio Grande do Sul: Imigração laboral e dinâmica social. Porto Alegre: Letra&Vida, 2015. 295 p.

UEBEL, Roberto. O uso das escalas geográficas no estudo do processo de imigração contemporânea no Brasil. GOT - Geography and Spatial Planning Journal, Porto, n. 5, p.259-276, jun. 2014. Disponível em: http://www.scielo.mec.pt/scielo.php?pid=S2182-12672014000100012&script=sci_arttext&tlng=pt. Acesso em: 02 abr. 2016.

UEBEL, Roberto Rodolfo Georg. Análise do perfil socioespacial das migrações internacionais para o Rio Grande do Sul no início do século XXI. 2015. 248 f. Dissertação (Mestrado) – Programa de Pós-Graduação em Geografia, Universidade Federal do Rio Grande do Sul, Porto Alegre, 2015. Disponível em: http://hdl.handle.net/10183/117357.

WORLD BANK. Senegal Overview. Washington: IBRD, 2014. Atualizado em 16 de outubro de 2014a. Disponível em: http://www.worldbank.org/en/country/senegal/overview. Acesso em: 28 nov. 2014.

WORLD BANK. School enrollment, tertiary (% gross). 2010. Elaborado pela UNESCO Institute for Statistics. Disponível em: http://data.worldbank.org/indicator/SE.TER.ENRR. Acesso em: 29 nov. 2014.


Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Direitos autorais 2016

| Boletim Geográfico do Rio Grande do Sul | Secretaria de Planejamento, Orçamento e Gestão - RS | ISSN 2446-7251 |